FANDOM


Yuri Galeria Sprites Poemas

Aviso: O seguinte artigo contém spoilers.
Recomendamos zerar o jogo primeiro antes de iniciar a leitura.


Oktemplate

Yuri (百合 - "lírio") é um dos quatro personagens principais do jogo e vice-presidente do Clube de Literatura no Ato 2. Ela é uma das três personagens para quem você pode escrever poemas.

Aparência Editar

Yuri mostra-se madura e sofisticada, e ela é notável por ser extremamente bonita. Ela tem longos cabelos violeta e olhos violeta claro. Ela usa um único clipe roxo no lado esquerdo de sua cabeça em um longo fio de cabelo, perto de sua franja.

Yuri é o personagem feminino mais alto do jogo, de pé em 5 '5" (165 cm) no estágio conceitual do jogo, de acordo com Dan Salvato. Ela também é a mais desenvolvida fisicamente, aumentando seus traços de maturidade e insegurança.

Personalidade Editar

Yuri é retratada ao longo da maior parte do jogo como tímida, generosa, educada, apaixonada pelos temas que lhe interessa, apologética, muito inteligente, madura e sofisticada. Apesar da sua maturidade, Yuri discute com Natsuki sobre suas diferentes opiniões de estilos de escrita. Enquanto ela tenta evitar o confronto, Yuri pode ser muito educada e teimosa ás vezes, mas no segundo ato ela poderá ser mais ignorante, embora isso seja provavelmente devido a uma alteração de Monika. Yuri pode ser inocentemente insensível, à medida que às vezes se mostra como condescendente ou pretensiosa sem realmente perceber. Uma vez que ela percebeu o que falou pode ser considerado insensível, e quase imediatamente se desculpa, repetindo que ela não queria dizer isto. Como afirmado pelo protagonista, Yuri gosta de pensar muito antes de falar alguma coisa.

Yuri é uma "violeta encolhida" (termo usado para descrever personagens que preferem se misturar com o cenário do que atrair atenção indesejada) dos membros do clube por causa da sua constante natureza e timidez apologética para discussões além dos seus interesses. Seus interesses começando por literatura (geralmente livros de terror e surrealismo geral, o qual ela examina e articula habilmente e encoraja os outros a seguirem também). O amor da Yuri pelo surrealismo parece estar prenunciando mais eventos do jogo, como os olhos surrealistas de Yuri e o suicídio da Sayori deixando o jogo num tom mais medonho. Yuri prefere poemas que usam o simbolismo metafórico e gosta de colecionar facas ornamentais incomuns que estão implícitas que ela pode usar para se cortar por razões não especificadas (A Monika comenta durante o segundo ato que é por prazer sexual, mas durante essa parte do jogo ela não é uma fonte confiável de informação.)

Yuri tem dificuldades para fazer e manter amizades, já que ela aparenta ser muito forte. É falado que ela sofreu bullying por causa da sua aparência e maneiras, fornecendo outra possível explicação do porquê ela se isola para ter um estilo de vida introvertido. Ela é, no entanto, uma pessoa generosa, explicada por ela ao dar uma cópia de "Portrait of Markov" para o protagonista e por trazer chá ao clube de literatura para ajudar a manter o foco durante a leitura. Durante o o diálogo com a Monika, Monika afirma que uma vez Yuri inocentemente tirou uma pequena garrafa de vinho e ofereceu-a no clube. Parece que ela não tinha consciência de ser menor bebendo isto, e apenas pensava genuinamente que providenciar refrescos seria uma boa coisa a se fazer.

Durante o segundo ato, Monika amplifica os traços negativos da Yuri. Isto causa a ela uma insanidade que resulta numa obsessão anormal com o protagonista e com seus hobbies já existentes se tornando mais pervertidos e de autodestruição ao ponto da Monika sugerir que ela se corta devido a um fetiche. Yuri reconhece que há alguma coisa de errado com ela e seus comentários e comportamentos são inadequados, mas ultimamente é incapaz de controlar suas obsessões explosivas. Chega em ponto que, depois dela confessar o seu amor ao protagonista, Yuri se esfaqueia até a morte por causa do seu excesso de excitação ou rejeição (dependendo o que o protagonista responder).

Palavras preferidas Editar

Ato 1
  • Afterimage, agonizante, ambiente, ambicionar, animada, ansiedade, apodrecer, assustador, aura;
  • Cativa, cerne, clímax, contaminada, contentamento, criatividade;
  • Desarmonia, desejo, desordem, desorientada, determinada, destino, discernimento;
  • Enrubescer, eletricidade, escassez, estranho, estudo, eternidade, expiar, explodir, extremo;
  • Filosofia, fugir;
  • Horror;
  • Incapaz, incongruente, inconstante, incontrolado, inferno, infinito, ira, intelectual;
  • Jaula, jornada, julgamento;
  • Libidinoso;
  • Massacre;
  • Noite estrelada;
  • Oportuno;
  • Paisagem, perfeita, persistente, pingo de chuva;
  • Questionar;
  • Realidade, redemoinho, renegar, respirar, resplandecente, reservada, retrato;
  • Sepultura, sentimento, sonho, suicidar;
  • Tempo;
  • Universo;
  • Vertigem, vibrante, vitalidade, vivaz;
Ato 2 - Extras